{{ warning.message }} Ver detalhes
Post
Link
Pergunta
Começaram a nascer os primeiros dentes do bebê. Como lidar com o incômodo?
[editar artigo]

Começaram a nascer os primeiros dentes do bebê. Como lidar com o incômodo?

Por volta dos seis meses de vida, o bebê está numa fase muito gostosa. Já descobriu as mãos e os pés, rola no berço e está querendo sentar. As cólicas passaram. É uma criança risonha, que se comunica com os pais e tudo vai bem.

Até que, de repente, sem explicação, vem uma manha, um chororô, a baba aumenta, a mão não sai da boca e tudo irrita o pequenino. Quando ele sorrir para você, pode reparar: lá vem os primeiros dentes do bebê.

É um ótimos sinal, o desenvolvimento está a contento e toda criança passa por isso. Mas, vamos admitir, é difícil e dá dó ver o bebê passar por isso. Além de a dentição ser um ótimo sinal de que a saúde vai bem e o desenvolvimento está em dia, os dentes são um marco.

Os primeiros dentes do bebê indicam que ele pode começar a experimentar novos alimentos, que seu corpo está se preparando para grandes aventuras gastronômicas. Por isso, tranquilidade e bom humor para lidar com a parte chata.

Você sabe reconhecer que os dentes do bebê estão a caminho?

  • O bebê leva tudo à boca e coça a gengiva com os brinquedos, os talheres, os dedinhos ou o que estiver à mão.

  • A gengiva fica vermelha primeiro, depois esbranquiçada.

  • A salivação aumenta e o bebê tem dificuldade para comer ou engolir.

É mais raro, mas pode acontecer uma febre baixinha, nariz escorrendo e até uma diarreia bem levinha. Do ponto de vista emocional, o bebê pode ficar dengoso e irritadiço.

Os primeiros dentes a aparecer são os dois incisivos de baixo. Logo depois, pintam os incisivos de cima. Os incisivos laterais de cima e de baixo vêm na sequência, depois molares e, por fim, caninos.

Esses dentes todos são de leite e começam a ser trocados a partir dos 5 anos. Na fase de nascimento dos primeiros dentes do bebê, não dá para evitar, mas dá para contornar os incômodos.

  • Mordedores são os melhores amigos da criança no período da dentição. É legal eles estarem limpos e podem até ficar na geladeira enquanto não estiverem em uso. O gelado alivia o inchaço e a coceira.

  • Cenoura e talos de brócolis gelados servem bem de mordedor, aliviam e ainda são saudáveis.

  • Gotinhas de chá de camomila à temperatura ambiente diretamente onde os dentes estão irrompendo acalmam as gengivas irritadas.

  • Não precisa passar pomada nem anestésico. O próprio corpo dá conta da inflamação.

  • Comida ou leite quente incomodam, opte por refeições à temperatura ambiente enquanto os primeiros dentes do bebê estiverem nascendo.

  • Aliás, siga a alimentação normal. Se o neném não aceitar, ofereça suco e água para não desidratar.

  • Limpe bem a gengiva do bebê após cada mamada e antes de dormir. Uma gaze embebida em água enrolada no dedo é suficiente.

Acima de tudo, é importante os pais lembrarem que essa fase não dura para sempre. Os primeiros dentes do bebê fazem parte de um período curto numa infância longa.

Para saber mais sobre cada um desses momentos, se cadastre aqui na comunidade. Basta preencher com seu e-mail ou acessar via redes sociais. Assim você passa a ser avisado das novidades e dos conteúdos mais relevantes. Corra!

TAGS
Alô Bebê

Alô Bebê

Redação - Alô Bebê

Fique informado sobre as novidades da comunidade
Cadastre-se aqui
Gostou desse artigo? Escreva o seu também!
Nova publicação

Artigos relacionados

Continue lendo!

Cadastre-se gratuitamente e tenha acesso
aos conteúdos exclusivos.

Entrar