[ editar artigo]

Seja bem vindo à era do compartilhamento e das conexões bem sucedidas

Seja bem vindo à era do compartilhamento e das conexões bem sucedidas

Desde que o mundo é mundo que os seres humanos perceberam que não faz sentido a vida que não seja em comunidade. Dezenas de filósofos e pensadores explicaram este fato de diversas maneiras diferentes, e independente da razão apresentada uma coisa é inegável: o compartilhamento da vida e das experiências é uma tendência intuitiva que faz parte da nossa natureza humana.

Eu sei, eu sei, você deve estar pensando: mas para quê toda esta aula de filosofia existencial? Por um motivo simples. Para mostrar a você porque este blog existe, e mais ainda, porque você deve compartilhar conteúdo, conhecimento e experiências com a sua comunidade. ;)

Antes de mais nada devo adiantar que este espaço só existe pois nós acreditamos fielmente na economia compartilhada. Este novo modelo que entende que o sucesso caminha ao lado da colaboração. Uma evolução que nega o individualismo construído ao longo do século passado e enxerga a união dos indivíduos como o caminho para a solução dos problemas.

Essa crença vale especialmente quando falamos das nossas gestantes, futuras mães, que precisam de um local de convivência e informação. Onde possam compartilhar seus anseios e angústias. Onde aquelas que já tiveram a experiência podem dividir o que aprenderam com quem ainda está vivendo a sua primeira gestação.

Afinal de contas, é da conexão entre as pessoas que surgem as boas ideias e as melhores soluções.

Tudo isso é para mostrar para você que compartilhar é legal e que nós vivemos na era da revolução do compartilhamento. A cultura colaborativa, se ainda não é, definitivamente será a nova ordem da economia — e as novas gerações já perceberam. Crianças e adolescentes que crescem entendendo que juntos podemos ser mais eficientes, relevantes e irmos mais longe.

E o que tudo isso tem a ver com compartilhamento de conteúdo?

Produzir conteúdo digital é uma das formas mais eficientes para ser encontrado na web, e com isso construir uma reputação profissional de relevância. Ou seja, ganhar autoridade para aumentar a sua capacidade de influenciar as pessoas à sua volta.

Por que não, então, unir forças para a construção de uma comunidade forte que traz destaque para todos os envolvidos? Onde o conteúdo colaborativo torna muito mais fácil um autor ganhar credibilidade e relevância para ser encontrado? Foi a partir destas perguntas que nasceu esta comunidade

Se você chegou até aqui, posso apostar que sua cabeça deve estar fervilhando de ideias para compartilhar com os outros membros da sua comunidade. Para facilitar sua vida e você poder se dedicar apenas à produção dos seus posts, veja abaixo alguns dos recursos que podem ser usados para deixar seu conteúdo ainda mais bacana.

Entre outras coisas, conteúdo digital informa, ajuda, traz apoio para causas das mais variadas — como esta aqui! — e ainda gera empatia entre os integrantes de um grupo.

Falando nisso, é justamente a comunidade a principal beneficiada por esta prática, já que é o compartilhamento de conteúdo que define a identidade dos participantes, além de construir e fortalecer as relações entre eles.

Se você chegou até aqui, posso apostar que sua cabeça deve estar fervilhando de ideias para compartilhar com esta comunidade. Motivo agora é o que não falta. Vamos construir uma comunidade forte?

Ah, e antes de encerrar tenho algumas dicas para facilitar sua produção de conteúdo. Olha só:

- Posts frios e formais não são legais (até rimou!). Pense que cada texto é uma conversa informal com seu leitor.

- Frases e parágrafos muito longos também podem ser evitados. Se você ler em voz alta e perceber que precisa parar para respirar, temos um problema.

- É possível usar gírias, claro, desde que você tenha certeza que o leitor vai entender o que quis dizer.

- É sempre bom que termos técnicos, palavras estrangeiras e siglas tenham seus significados explicados.

- Jamais conte com o entendimento óbvio. O que é óbvio para você pode não ser para outra pessoa.

- Erros de ortografia acontecem, mas não são legais. Por isso, antes de publicar, releia, revise e se necessário, reescreva.

- Converse com o leitor. Sempre que possível use "você" quando quiser se referir a ele. Isso ajuda a aproximar autor e leitor.

- Por fim, não preciso nem falar né? Futebol, religião e política, entre outras polêmicas, devem ser evitadas. ;)

Comunidade Alô Bebê
Alô Bebê
Alô Bebê Seguir

Redação - Alô Bebê

Ler matéria completa
Indicados para você