[ editar artigo]

O que é pronação dolorosa em bebês?

O que é pronação dolorosa em bebês?

Se o seu bebê de repente fica com um dos braços imóveis, reclamando de dor ou simplesmente ficar mais quieto e não conseguir mover o braço, ele provavelmente está com uma pronação dolorosa (popularmente chamada também de cotovelo da babá). Isso pode ser motivo para assustar muitos pais, mas não precisa se desesperar! Ela pode acontecer de uma hora pra outra e com as instruções corretas pode ser consertada rapidamente, sem grandes consequências para o seu filho.

O que é

A pronação dolorosa é uma subluxação da cabeça do rádio (osso do antebraço) na qual o osso desliza parcialmente por baixo do ligamento anular na articulação do cotovelo, causando a imobilização do cotovelo. Isso pode acontecer com um puxão, quando você ou outro cuidador pegam a criança pelo braço, ou ela pode sofrer isso sozinha após uma queda ou durante uma brincadeira.

LEIA MAISTudo sobre a prevenção de doenças no bebê

Os ligamentos são responsáveis por manter o rádio no lugar e, por causa do puxão, o ligamento pode se esticar excessivamente e causar a pronação dolorosa, prejudicando a movimentação da articulação do cotovelo. A criança geralmente sente o incomodo instantaneamente e não consegue mais mexer o braço sem sentir dor.

A pronação dolorosa é mais comum em bebês e crianças de até 5 anos, já que nesse período o cotovelo ainda não está bem formado e ainda há muita frouxidão ligamentar. E, como a causa mais comum é o puxão pelo braço de um adulto e geralmente os cuidadores são destros, é mais comum que a subluxação aconteça na articulação do cotovelo esquerdo do bebê ou criança.

Tratamento

Assim que você perceber uma possível pronação dolorosa, corra para o hospital e leve a criança para uma consulta com um ortopedista. Ele então irá avaliar a lesão e determinar se há fratura ou algo mais grave. Se for realmente a subluxação, o braço não dói ao ser apalpado e não há inchaço.

O tratamento é bem rápido e simples, mas é necessária muita habilidade do médico e muita confiança por parte dos pais e da criança. O profissional irá realizar uma manobra, chamada de redução, que é realizada no próprio consultório sem necessidade de qualquer anestesia.

A redução é feita rodando o antebraço da criança para colocar a mão virada para cima e torcer o cotovelo enquanto segura o braço. A criança pode sentir um click, como um estralo, e depois um breve desconforto, mas ela recupera imediatamente depois os movimentos do braço.

LEIA MAIS  - Como tratar a rinite dos bebês?

Pode acontecer também do desconforto permanecer e isso é resolvido com uma tala gessada usada pelos primeiros três dias, com medicação para dor prescrita pelo médico. Depois, a criança retorna ao consultório para ser reavaliada.

Prevenção

Para prevenir que seu bebê ou criança sofra de pronação dolorosa, evite puxá-la pelas mãos, não segure a criança pelo braço quando ela estiver descendo do escorregador e, se ela estiver sofrendo uma queda, evite puxar pelos braços. Também é importante não fazer brincadeiras em que você puxa os braços da criança para balançá-la no ar.

Algumas crianças infelizmente tem predisposição para pronação dolorosa e podem ter ela diversas vezes, e nesse caso o cuidado deve ser triplicado!

Comunidade Alô Bebê
Alô Bebê
Alô Bebê Seguir

Redação - Alô Bebê

Ler matéria completa
Indicados para você