[ editar artigo]

Gravidez de menina: tudo o que você precisa saber

Gravidez de menina: tudo o que você precisa saber

Após a confirmação da gravidez, descobrir o gênero do bebê é um dos momentos mais marcantes para os pais. A maioria dos médicos apenas faz a confirmação após as 20 semanas, mas existem diversas crenças populares que podem te ajudar a desvendar esse mistério antes do tempo! Confira os principais (e curiosos) sinais de gravidez de menina, segundo a sabedoria brasileira:

  • Formato da barriga: se estiver alta e arredondada, parecida com uma melancia

  • Saúde das suas madeixas: se os cabelos estiverem mais finos e sem brilho

  • De qual lado você dorme? Se na hora de dormir, a mãe se sente mais confortável ao deitar do lado direito do corpo

  • Preferência por alimentos doces (mães de meninos preferem comidas com gosto amargo)

  • Se o ritmo cardíaco do bebê for superior a 140 batimentos por minuto

  • Pele de adolescente: com presença de acne, devido à alterações hormonais.

  • TPM eterna: alterações mais intensas de humor, como irritabilidade, depressão e raiva.

  • Repare nos seios: é um sinal quando o seio esquerdo parece estar mais volumoso do que o direito

  • Pulando a parte divertida das simpatias, vamos aos fatos que foram comprovados cientificamente e você realmente pode acreditar sem receios!

Mães de meninas têm mais enjoos

Um estudo publicado na revista científica New Scientist comprovou que mulheres que sofrem com fortes enjoos na gestação têm mais chances de serem mães de meninas. Estes enjoos ocorrem em decorrência de uma condição chamada hiperêmese gravídica, e quando a mulher tem esta condição, as chances de ter uma menina são de 56%! A pesquisa foi realizada na Suécia com 1,6 milhões de gestantes.

Mães de meninas ganham menos peso

Segundo a pesquisa publicada na revista científica PLOS One, existe uma relação entre o ganho de peso da gestante e o sexo do bebê.

A endocrinologista e pesquisadora Kristen Navara, da Universidade da Georgia, descobriu que embriões masculinos precisam de mais calorias durante a gestação para sobreviver. Mais energia, acaba significando mais comida. De acordo com os dados coletados, mães que ganham até 9kg na gestação inteira têm 51% de chances de ter meninas, já mães que ganham 18 kg ou mais na gestação inteira tem 54.5% de chances de ter meninos!

A análise apurou 68 milhões de nascimentos nos últimos 23 anos.

Mães de meninas tem uma gestação mais saudável

Um estudo feito no Instituto Robinson da Universidade de Adelaide, na Austrália, provou que a gravidez de meninos traz maiores complicações, tanto para a mãe quanto para o bebê. Segundo a pesquisa, que levou em conta quase 600 mil nascimentos entre 1981 e 2011, grávidas de meninos têm mais chances de ter parto prematuro, pressão alta e diabetes gestacional.

Os pesquisadores descobriram que quando a mulher está grávida de meninos, as chances de ela ter um parto prematuro entre 20 e 24 semanas de gestação são 27% maiores, já entre 30 e 33 semanas de gravidez as probabilidades aumentam 24%. Além disso, essas mães tem 4% mais chances de desenvolver diabetes gestacional e 7.5% mais chances de sofrer com pré-eclâmpsia.

E você, como foi sua experiência com uma gravidez de menina? Conte sua experiência aqui nos comentários! 

 

Comunidade Alô Bebê
Alô Bebê
Alô Bebê Seguir

Redação - Alô Bebê

Ler matéria completa
Indicados para você